Abril 30, 2019
Compartilhar

Cinco maneiras de como o Criteo AI Lab está mudando a Ad Tech (e como você pode fazer parte dessa mudança)

 

O futuro da publicidade é a alta personalização. E, para chegar lá, o setor precisa ter um entendimento fundamental sobre a relação entre cada consumidor e as marcas e produtos com os quais ele interage.

O Criteo AI Lab chega na hora certa. Nossos pesquisadores e engenheiros vêm explorando avançados modelos de machine learning que possam melhorar a experiência do usuário e ajudar os anunciantes a formar conexões mais profundas com seus clientes. O que está em jogo não é apenas desenvolver uma tecnologia de inteligência artificial (IA) de ponta, mas um dia usá-la para mudar a forma como as marcas anunciam através de nossa plataforma.

O Criteo AI Lab tem muitos desafios à frente e nós tempos vagas abertas para pessoas talentosas que queiram fazer parte de algo grande. Buscamos pessoas que sejam apaixonadas pela pesquisa em inteligência artificial e que, assim como nós, desejem fazer a diferença no setor de ad tech e muito além.

Se você é um pesquisador, cientista de dados ou engenheiro interessado em transformar o espaço da ad tech, confira aqui cinco razões pelas quais a Criteo é onde você deve estar.

1. Inicie conversas que moldem a indústria da IA

O Criteo AI Lab é pioneiro nas discussões sobre inteligência artificial e machine learning (aprendizado de máquina). É aqui que tudo acontece. Nossas pesquisas servem como fontes de informação para conferências acadêmicas, apresentações, webinars, whitepapers e muito mais.

No início deste ano, trabalhamos em parceria com a WiMLDS (Women in Machine Learning & Data Science) para organizar um evento de networking para mulheres do setor de tecnologia e promover um debate sobre como a inteligência artificial está transformando a publicidade.

Nossas especialistas Suju Rajan, vice-presidente sênior de pesquisa e head do Criteo AI Lab, e Fengjiao Wangm, Research Scientist, compartilharam seus conhecimentos sobre sistemas de machine learning em escala para processar bilhões de predições e catalogar dados de maneira mais produtiva. Diane Gasselin, Senior Software Engineer, fechou o painel dando dicas sobre como usar insights de machine learning para otimizar a segmentação e gerar recomendações para clientes em escala. Assista ao vídeo do evento:

Para acompanhar tudo o que o AI Lab vem fazendo, leia o Criteo Tech Blog no Medium.

O Criteo AI Lab também apoia grandes eventos dedicados à evolução do machine learning, tanto dentro e fora do setor de ad tech. Clique aqui para encontrar o próximo evento na sua cidade.

2. Defina o padrão para a publicidade otimizada pela inteligência artificial

A meta do Criteo AI Lab não é apenas melhorar a performance dos anúncios para os clientes da Criteo. Nossa missão é otimizar a internet.

Laboratórios de pesquisa tradicionais são criados como grupos autônomos. Mas o Criteo AI Lab reúne os dois principais braços de R&D da nossa empresa: o Criteo Research e a equipe de Engenharia da Plataforma de Machine Learning (Machine Learning Platform Engineering). Isso significa que nosso laboratório de pesquisa conta com o poder da engenharia para integrar a pesquisa em IA aos nossos sistemas de produção.

O laboratório recebeu um investimento de US$ 23 milhões (€ 20 milhões) pelo período de três anos, consolidando o forte compromisso da Criteo com o desenvolvimento da IA e como essa tecnologia pode ser usada para melhorar a performance da publicidade digital. Queremos entender por que os modelos mais eficazes funcionam, estudar sua capacidade de generalização e testar suas fragilidades. E também queremos ajudar o mundo a entender essa tecnologia.

Nossa pesquisa beneficia os usuários finais, nossos clientes, nossos publishers e a Criteo ao tornar a publicidade mais personalizada e relevante e, portanto, mais impactante.

3. Encoraje uma comunidade de inovação

Investir na comunidade de inteligência artificial significa construir essa comunidade. O Criteo AI Lab apoia a indústria de IA através do desenvolvimento da comunicação aberta.

Publicamos nossas pesquisas nas principais conferências, defendemos o software livre (open source), oferecemos workshops públicos, contribuímos para repositórios de machine learning online e disponibilizamos bases de dados para uso público com regularidade. Detemos até mesmo o recorde da maior base de dados de machine learning para uso público, com 1 terabyte de tamanho e 4 bilhões de linhas de eventos.

Mais recentemente, como parte do nosso programa de divulgação para disseminar conhecimentos do setor e conectar inovadores em inteligência artificial, o Criteo AI Lab hospedou um curso intensivo de deep learning (aprendizagem profunda). O workshop foi ministrado por Aurélien Géron, autor de Hands-On Machine Learning with Scikit-Learn and TensorFlow. Os participantes receberam dicas valiosas sobre como usar o TensorFlow — uma biblioteca de código aberto desenvolvida pelo Google — e tiveram a oportunidade de conversar com Géron. Assista a um vídeo do curso:

4. Esteja na vanguarda do machine learning

A Criteo foi criada para a internet aberta e nossa meta é nivelar o campo de atuação gerando oportunidades para todos, com liberdade e capacidade de escolha. Parte do nosso plano para permanecermos fiéis à nossa missão é testar os limites do machine learning e da inteligência artificial no contexto da publicidade.

O grande número de publicações de pesquisas do AI Lab expressa todo o empenho de nossos pesquisadores. Nossos profissionais são encorajados a publicar seus trabalhos em conferências internacionais, colaborar com parceiros acadêmicos, entrar com pedidos de patente, disponibilizar bases de dados e, mais importante, desempenhar um papel-chave no futuro do machine learning.

Suas pesquisas são influenciadoras. O artigo Causal Embeddings for Recommendation, de Stephen Bonner e Flavian Vasile, do AI Lab, foi eleito o Best Paper na conferência RecSys 2018. O trabalho de nossos pesquisadores poderá um dia ajudar os anunciantes a entender como estão realmente mudando o comportamento dos consumidores que veem seus anúncios.

5. Trabalhe com pessoas geniais

Para fazer um ótimo trabalho, você precisa estar cercado de pessoas incríveis. A força de trabalho da Criteo conta com indivíduos de 91 nacionalidades, com diferentes formações acadêmicas e trajetórias profissionais. Nossos recrutadores dedicam-se a construir uma organização diversificada e a criar um ambiente de trabalho acolhedor para todos.

Os recém-chegados ao Criteo AI Lab farão parte de uma equipe internacional formada pelas mentes mais brilhantes do setor. Você trabalhará com profissionais como Patrick Gallinari ou David Lagardere, nosso gerente de programas de engenharia responsável pelo sucesso de alguns dos maiores projetos do AI Lab após dedicar os primeiros 15 anos de sua carreira à área financeira. Ou Amélie Heliou, uma eterna aprendiz inspirada pelos mais variados tópicos, dentre os quais bioinformática e teoria dos grafos — uma prática à qual se mantém fiel até mesmo quando viaja.

Buscamos profissionais em machine learning em qualquer parte do mundo. O importante é que tenham habilidades notáveis para fazer a diferença na pesquisa científica — coleta e limpeza de dados, modelagem, implementação, publicação e apresentação. Clique aqui para ver as vagas abertas.