Selecione uma categoria:

O que você precisa saber sobre cross-device ao redor do mundo

 

Mobile é apenas uma parte da experiência de compra cross-device, que reflete as preferências pessoais do consumidor. Hoje, em todo o mundo, os consumidores querem uma experiência customizada para suas necessidades e não para o device que estão usando. E, como usar essa abordagem centrada no usuário para tornar suas estratégias de marketing mais atraentes, personalizadas e impactantes? O primeiro passo é entender as variações globais nos hábitos cross-device.

Conheça seu mercado

Nosso Relatório Criteo: O E-commerce na Era Cross-device mostra que o Reino Unido já superou o Japão como o mercado que vê o maior share de transações mobile. Outros países estão perto de alcançar um mix de vendas igual entre dispositivos móveis e desktop. A Austrália, a Coreia do Sul e Taiwan registraram mais de 40% de transações do varejo em mobile. Esses dados mostram como um canal complementar tornou-se protagonista de vendas.

Não é surpresa que países com os mais altos níveis de usuários de smartphones estejam muito à frente quando se trata de comércio cross-device. Mas, o uso de smartphones ainda está em plena expansão, tanto nos países desenvolvidos quanto nos países em desenvolvimento. E é só uma questão de tempo antes que outros mercados surpreendam.

Vemos diferenças interessantes quando analisamos as conversões mobile. O Japão roubou a liderança do Reino Unido, registrando a maior taxa de conversão mobile, enquanto a Alemanha, que está em 7º lugar no share geral de compras mobile, ocupa a terceira posição. Assim, se você aproveitar as tendências do cross-device, um mercado não precisa figurar no topo das transações mobile para mostrar que tem grande potencial.

Veja aqui o que você pode fazer para aproveitar as vantagens de ser cross-device ao redor do mundo:

  1. Mantenha os canais de comunicação abertos entre os países

Executar uma estratégia global requer objetivos centralizados. Mas, fazer a estratégia cross-device funcionar em escala internacional, significa entender as variáveis do comportamento do consumidor em cada país. É vital encorajar o diálogo entre as equipes de Marketing e Consumer Experience em todos os mercados.

  1. Não trabalhe com hipóteses

É essencial descartar estereótipos e, em vez disso, traçar um perfil da jornada de compra dos diferentes consumidores. Às vezes, isso significa abandonar os tradicionais métodos de segmentação. À medida que o e-commerce avança, a sua estratégia também deve avançar.

 

Usamos cookies para melhorar sua experiência no nosso website. Continuando sua navegação, você aceita a inserção e o uso de cookies. Para saber mais sobre cookies ou opt-out desses serviços, leia nossa política de privacidade.

As configurações de cookies neste website são definidas como "permitir cookies", para que sua experiência de navegação seja a melhor possível. Se você continuar neste website sem modificar as configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com as configurações definidas.

Fechar