Fevereiro 5, 2019
Compartilhar

Principais tendências para o setor de viagens em 2019: 3 fatores essenciais para impulsionar as reservas

 

Após a correria de final de ano, é natural que as pessoas sonhem com dias mais tranquilos e relaxantes. Examinamos nossos dados de clientes do setor de viagens e vimos um pico expressivo no tráfego e nas reservas de janeiro a março de 2018. As tendências da vertical para 2019 certamente seguirão o mesmo padrão, o que significa que é importante estar pronto para se conectar aos consumidores desde já.

Nossa pesquisa revelou que o comportamento das reservas varia amplamente por região. Em alguns países, as pessoas gostam de pesquisar e reservar em janeiro; em outros, tendem a esperar até março. E também há países onde as pesquisas começam cedo, mas as compras acontecem meses depois.

Para ajudar os profissionais de marketing a se prepararem para 2019, analisamos nossos dados e criamos o Painel de Viagens Sazonais da Criteo (em inglês). Esse site interativo mostra gráficos de tráfego e de reservas diários indexados, comparados à média do 4º trimestre de 2017, de mais de 2.000 players de viagens em 51 países. Os dados mapeados respondem por mais de 2 milhões de reservas em apenas um ano.

Veja como aumentar sua receita em 2019:

1. Para o Reino Unido, Alemanha, Países Baixos e Bélgica, as reservas acontecem no primeiro trimestre (inverno no Hemisfério Norte).

O ciclo de tomada de decisão nesses países tende a ser curto. Segundo os dados da Criteo, houve um pico de tráfego e um pico de reservas no início de janeiro, no mesmo dia.

No Reino Unido, nosso relatório Summer Travel Report 2018 (em inglês) revelou que a maior parte das reservas é realizada em janeiro.

Criteo 2018 Summer Travel Report 2018 

Reino Unido

Nosso Painel de Viagens Sazonais mostra que, no início de 2018, o Reino Unido viu um aumento significativo de +115% no tráfego e de +60% nas reservas no dia 7 de janeiro.

2019 travel trends

Alemanha

Na Alemanha, vimos uma tendência semelhante: o pico sazonal mais forte aconteceu no 1º trimestre para reservas. Em 2018, a Alemanha viu uma disparada de +88% no tráfego online e um aumento de +48% nas reservas no dia 7 de janeiro.

2019 travel trends

E isso faz todo o sentido: na Alemanha, as famílias com crianças se planejam com muita antecedência e tendem a reservar suas viagens no começo do ano. Além disso, há um grande investimento em publicidade no primeiro trimestre, com descontos imperdíveis para reservas antecipadas.

 

2. Para a Europa Central, Sudeste Asiático e outras regiões, esteja pronto para atender seus clientes no segundo trimestre (primavera no Hemisfério Norte).

A Europa Central, a França, a Escandinávia, a Austrália e a Nova Zelândia têm um ciclo de tomada de decisão maior. As pessoas nessas regiões começam a pesquisar no final de dezembro e no inicio de janeiro, mas muitas só convertem em fevereiro e, principalmente, em março.

França

Em 2018, a França viu um pico de +66% no tráfego no dia 14 de janeiro e um aumento razoavelmente estável nas reservas até 18 de março, quando o pico atingiu +44%.

2019 travel trends

Europa Central

Na Europa Central, vimos um aumento de +67% no tráfego em 7 de janeiro, seguido de um grande número de reservas, que atingiu um pico de +26% em 11 de março.

2019 travel trends

A dica? Mantenha sua publicidade forte durante todo o primeiro trimestre. Nunca se sabe quanto tempo uma pessoa vai pesquisar até se decidir sobre as próximas férias de julho.

 

3. Para todo player de viagens, o mobile é essencial.

Hoje é fácil fazer reservas através de dispositivos mobile. Não é recomendado ativar somente o desktop. Agora tudo se resolve a qualquer hora, em qualquer lugar. Perfeito para compras de última hora! Empresas bem-sucedidas, como Hotel Tonight e AirBnb, vêm facilitando cada vez mais a vida dos consumidores com excelentes ofertas para quem está sempre conectado.

Dados do nosso Relatório do Segmento de Viagens mostraram quanto o mobile vem dominando o e-commerce, até mesmo no setor de reservas.

Relatório do Segmento de Viagens – Primeiro Trimestre de 2018 da Criteo

Ter um app é ótimo para maximizar as vendas. Mas isso não basta. É essencial garantir uma experiência mobile integrada tanto para agências de viagens online quanto para fornecedores. Só assim eles poderão atender às necessidades de seus consumidores onde quer que estejam.

 

Leve possíveis viajantes de volta para o seu site

De acordo com a plataforma de marketing The Drum, 3 entre 4 millennials comprariam uma experiência, em vez de um bem material. As lembrancinhas das viagens deram lugar à realização pessoal. Experiências únicas vêm se tornando uma tendência global. Em 2019, esteja preparado para oferecer experiências personalizadas em todos os canais para saciar o desejo de aventura dos mais diferentes consumidores.

O retargeting dinâmico é uma das melhores formas de levar os consumidores de volta para o seu site e lembrá-los dos pacotes que pesquisaram, mas não compraram. A tecnologia da Criteo ajuda os varejistas do setor de viagens a aumentar as conversões de carrinhos abandonados (em até 244%), o tempo do consumidor no site (em média, +5 minutos) e as taxas de conversão nos diferentes dispositivos (em média, +257% nas vendas).

Portanto, como se conectar aos seus consumidores quando eles ainda estão na fase de consideração? E, depois, como impactá-los no momento da reserva? A jornada de qualquer viajante é feita de muitas dúvidas. Para onde vou? Que tipo de hotel ficar? O que devo levar?

Os dados são a chave para responder a todas essas perguntas — e também gerar ótimas oportunidades tanto para viajantes quanto para anunciantes.