Seguros e conectados durante o COVID-19

 

Hoje enfrentamos uma pandemia global sem precedentes. O coronavírus alterou drasticamente nossas rotinas e vem gerando uma sensação de extrema incerteza. É hora de ficarmos conectados e focarmos naquilo que podemos controlar.

Na Criteo, continuaremos a dar suporte aos nossos clientes para ajudá-los neste momento tão difícil. Desde que a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou o COVID-19 como uma emergência de saúde pública, temos atuado para minimizar a interrupção em nossas atividades, seguindo todas as medidas preventivas de acordo com as autoridades locais de saúde. Queremos atender aos melhores interesses de nossos funcionários e de nossas comunidades.

Temos monitorado atentamente a pandemia há algum tempo, em nível global e local, para fornecermos o suporte necessário aos nossos funcionários em 29 escritórios em todo o mundo, bem como aos nossos clientes e parceiros. Nossa maior prioridade é proteger a saúde dos funcionários da Criteo e de seus familiares. É por isso que fechamos temporariamente os escritórios da Criteo em locais considerados de alto risco e encorajamos nossas equipes a trabalharem de casa em todas as outras localidades. Todos os funcionários estão equipados com tecnologia de videoconferência para ajudá-los a se manterem conectados.

Também pedimos aos nossos funcionários para que cancelem todas as viagens de trabalho não essenciais e evitem comparecer a eventos de médio e grande porte. Muitos desses eventos já foram cancelados ou adiados para evitar riscos desnecessários aos potenciais participantes. Além disso, todas as reuniões presenciais planejadas para os próximos meses foram adiadas. Nós valorizamos profundamente as oportunidades de conexão pessoal, mas entendemos que este é o melhor curso de ação neste momento.

Para proteger toda a comunidade, os funcionários que fizeram viagens internacionais e que apresentam sintomas relacionados ao COVID-19, como febre, tosse ou falta de ar, devem ser submetidos à avaliação médica imediatamente e isolar-se por, no mínimo, 14 dias antes de voltar ao trabalho. Continuaremos a monitorar atentamente a situação e fornecer aos funcionários atualizações em tempo real sobre como manter-se seguro. Entendemos que este momento de crise gera estresse na saúde mental dos funcionários e firmamos uma parceria com a Eutelmed para oferecermos aconselhamento psicológico por telefone e vídeo.

Também estabelecemos um comitê diretor, formado por representantes seniores de diferentes equipes da organização, para fornecermos uma abordagem alinhada e coordenada em relação à comunicação com os funcionários. Esse comitê diretor criou processos claros para nossas atividades internas e continuará a orientar nossos executivos conforme a situação se desenrola.

Como uma empresa global, temos uma infraestrutura tecnológica que nos permite realizar nosso trabalho remotamente para continuarmos a atender nossos clientes sem interrupções. Desde janeiro, temos trabalhado para assegurar aos funcionários toda a estrutura necessária para o trabalho remoto e para a continuidade dos negócios.

À medida que o mundo se depara com novidades minuto a minuto, entendemos que nunca foi tão importante apoiarmos a internet aberta para garantir a todas as pessoas o livre acesso à informação. Temos a responsabilidade de proteger o ecossistema digital apoiando as empresas que o financiam, incluindo nossos clientes e parceiros do setor. Trata-se de uma responsabilidade da qual temos orgulho — e faremos tudo, o que estiver ao nosso alcance, para ajudar as pessoas a atravessarem esta tempestade.

Espero que os desafios de hoje terminem logo, mas, enquanto isso, mantenha-se seguro e conectado.

Megan Clarken

Megan Clarken é CEO da Criteo. Anteriormente, Megan trabalhou na Nielsen, ocupando diferentes posições seniores na área comercial e de produto, entre as quais diretora comercial (CCO) da Nielsen Global Media, presidente do segmento Watch, que fornece serviços de mensuração de mídia, e presidente de Product Leadership. Megan também exerceu cargos de liderança sênior em grandes publishers e provedores de tecnologias online, como a Akamai Technologies e o site ninemsn na Austrália.