Março 2, 2017
Compartilhar

Como capitalizar com o e-commerce cross-device

 

No mundo do e-commerce em rápida evolução, tendências ou verdades estabelecidas merecem cautela. Novos dados apresentados em nosso relatório O Estado do e-Commerce Cross-Device comprovam que os padrões de compras são complexos. O que isso significa para suas estratégias multidispositivos? E como você pode capitalizar com essa mudança no comportamento do consumidor?

O cross-device reina

Segundo dados da Criteo, quase um terço (31%) das transações nos EUA agora envolvem dois ou mais dispositivos. Isso significa que o comércio mobile tem sido cada vez mais substituído pelo comércio “cross-device”. Ao mesmo tempo, o número de compras realizadas no mobile decolou. Os dados mostram um aumento de 25% em relação ao ano anterior para itens adicionados ao carrinho de compras e para taxas de conversão em smartphones. Os dados também mostram que é errado supor que os consumidores trocarão o mobile pelo desktop quando estiverem prestes a finalizar a compra. Um quarto (25%) das transações que começam no smartphone terminam no desktop. Porém, mais de um terço (35%) das jornadas de compras iniciadas no desktop terminam no smartphone.

Sem o rastreamento cross-device, você tem uma visão limitada do caminho de compra, arrisca-se a perder oportunidades de engajamento e não tem a visibilidade necessária para medir o impacto da campanha. Como hoje a jornada de compra está distribuída quase uniformemente entre diferentes dispositivos, é importante capturar a atividade de navegação e de compra sempre que ela ocorrer.

Abordagens centradas no usuário devem prevalecer

Entender a jornada multidispositivo do consumidor é essencial para criar relevância e impulsionar conversões. E adotar uma abordagem de medição centrada no usuário permite identificar os pontos de dispersão no funil de compras.

Três dicas para capitalizar com o e-commerce cross-device:

1. Avalie os dados em conjunto

Capturar e consolidar dados de todos os dispositivos é a primeira etapa para conectar a jornada do consumidor. Combine dados de diferentes fontes para poder analisá-los em um só local e, assim, ajustar suas campanhas em tempo real.

2. Otimize para cross-device

Para criar uma experiência simplificada e sincronizada, certifique-se de que, quando os usuários mudarem de dispositivo, eles possam recomeçar exatamente de onde pararam. Funcionalidades como carrinhos de compras persistentes, atualizados em tempo real nos diferentes dispositivos, facilitam a vida do consumidor e aumentam as conversões.

3. Adote uma estrutura cross-device

Eliminar as distâncias dentro do seu departamento de marketing permitirá que você meça mais efetivamente o engajamento entre canais e entre os dispositivos e atenda melhor seus clientes.